|   Jornal da Ordem Edição 3.506 - Editado em Porto Alegre em 24.09.2020 pela Comunicação Social da OAB/RS
|   Art. 133 - O advogado é indispensável à administração da justiça, sendo inviolável por seus atos e manifestações no exercício da profissão, nos limites da lei. Constituição Federal, 1988
NOTÍCIA

20.04.20  |  Previdenciário   

A pedido da OAB/RS, senador protocola projeto de lei para manter direitos do cidadão junto ao INSS, mesmo sem pagamento, durante a pandemia

 

Por solicitação da Ordem gaúcha, o senador Luis Carlos Heinze protocolou, nesta sexta-feira (17), um projeto de lei para manter os direitos de segurado do INSS ao cidadão, independente de pagamentos, durante a pandemia provocada pelo Coronavírus.

A medida, pensada pela Comissão Especial de Seguridade Social da OAB/RS (CESS), traz ao cidadão o benefício de haver um período de tolerância para que, após a pandemia, recupere sua renda e possa retomar suas contribuições ao INSS sem prejuízo de seus direitos. Dessa forma, o texto legislativo determina que, enquanto vigorar o decreto de estado de calamidade pública no país, deve ocorrer a suspensão da contagem dos prazos de carência, para fins da perda da qualidade de segurado obrigatório do Regime Geral de Previdência Social (RGPS).

O presidente da OAB/RS, Ricardo Breier, destacou o caráter social da medida: “Esta iniciativa deve beneficiar toda a advocacia nacional, os profissionais autônomos, desempregados e todos os que não conseguirão manter os pagamentos ao INSS. É necessário que o sistema tenha a sensibilidade e compreensão da natureza extraordinária do momento”, argumentou Breier.

O presidente da CESS, Tiago Kidricki, ressaltou que a medida é uma contribuição da OAB/RS em seu papel de defesa da cidadania: “Manter a qualidade de segurado significa, por exemplo, que o cidadão irá poder requerer um benefício de auxílio-doença ou garantir uma pensão por morte, mesmo que não esteja contribuindo com o INSS, neste momento de pandemia. Se aprovada, a lei vai beneficiar milhares de cidadãos no Brasil todo”, avaliou Kidricki.

Confira o projeto de lei aqui.

Fonte: OAB/RS

BOLETIM INFORMATIVO. CADASTRE-SE!
REDES SOCIAIS E FEED
RSS
YouTube
Flickr
Instagram
Facebook
Twitter
RÁDIO OAB/RS
Rádio OABRS
MAPA DO SITE
Abrir
(51) 3287.1800
Redação JO: Rua Washington Luiz, 1110, 13º andar - Centro - CEP 90010-460 - Porto Alegre - RS   |   comsocial@oabrs.org.br
© Copyright 2020 Ordem dos Advogados do Brasil Seccional RS    |    Desenvolvido por Desize

ACESSAR A CONTA


OABRS:   *
Senha:   *
Esqueci minha senha  |  Novo cadastro