|   Jornal da Ordem Edição 2.968 - Editado em Porto Alegre em 20.12.2017 pelo Departamento de Comunicação Social da OAB/RS
|   Art. 133 - O advogado é indispensável à administração da justiça, sendo inviolável por seus atos e manifestações no exercício da profissão, nos limites da lei. Constituição Federal, 1988
NOTÍCIA

29.10.07  |  Perfil   

Leônidas Cabral Albuquerque:“ a advocacia e suas possibilidades

Nascido em Porto Alegre, no dia 9 de dezembro de 1961, Leônidas Cabral Albuquerque, casado com Thaís Gigante, e pai de Elizabeth, Luiza e Laura, formou-se em direito pela UFRGS em 1986.
Apesar de ter a idéia, durante o ensino médio, de fazer o curso de Engenharia, acabou seguindo os passos de seu avô e pai, ambos advogados. Já na faculdade de Direito, teve contato com o Movimento Estudantil, um segmento social muito forte na época devido sua importância frente à ditadura militar, onde conheceu muitos companheiros de conselho da Ordem e participou ativamente da militância estudantil.

Durante a faculdade, Leônidas Albuquerque ingressou no Banco do Brasil como contínuo, tendo como colega e incentivador o atual presidente da OAB/RS, Claudio Lamachia. Com o tempo, o advogado foi conquistando seu espaço via concurso interno, chegando, após a constituição de 1988, à assessoria jurídica do Banco, período em que trabalhava no escritório de advocacia de Luiz Alberto de Vargas e Mara Loguércio, pessoas que, segundo o advogado, tiveram extrema importância na sua formação profissional.

No final de 1994, o advogado mudou-se para Brasília e assumiu o cargo de assessor jurídico na Consultoria Jurídica do Banco do Brasil que é o Órgão que presta assessoramento diretamente a direção do Banco, permanecendo na capital do país até 2004. Durante o período que residiu em Brasília, fez a advocacia contenciosa do Banco junto ao STJ e ao STF, e o acompanhamento de processos de todo Brasil, passando para área consultiva em 1999. No Distrito Federal, durante 1994/2004, também lecionou na Associação do Ensino Unificado do Distrito Federal (AEUDF), na Universidade Católica de Brasília, Instituto do Ensino Superior de Brasília (UESB).

Ao retornar para Porto Alegre, Leônidas voltou a trabalhar pela Ordem em atividades que já havia realizado, entre elas: de colaborador da ESA – Escola Superior da Advocacia da OAB/RS, ministrando palestras; de integrante da banca examinadora do Exame da Ordem na área de processo civil; fez parte da Comissão Especial do Advogado Empregado, na qual, atualmente, foi eleito pelo conselho para ser presidente, além de ser conselheiro seccional da Ordem.

O Direito me abriu a oportunidade de criar e trabalhar com aquilo que gosto, que é a advocacia, a atividade acadêmica e exercer também uma atividade política dentro da minha área profissional, pois quando eu era estudante, fiz política estudantil. Como bancário, fiz política sindical. Dentro da advocacia, a política da Ordem é uma atividade que me satisfaz muito, porque é um momento  em que contribuo para o crescimento da classe,” salienta Leônidas Albuquerque.

Rodney Silva
Jornalista - MTB 14.759

BOLETIM INFORMATIVO. CADASTRE-SE!
REDES SOCIAIS E FEED
RSS
YouTube
Flickr
Istagram
Facebook
Twitter
RÁDIO OAB/RS
Rádio OABRS
MAPA DO SITE
Abrir
(51) 3287.1839
Redação JO: Rua Washington Luiz, 1110, 13º andar - Centro - CEP 90010-460 - Porto Alegre - RS   |   comsocial@oabrs.org.br
© Copyright 2018 Ordem dos Advogados do Brasil Seccional RS    |    Desenvolvido por Desize

ACESSAR A CONTA


OABRS:   *
Senha:   *
Esqueci minha senha  |  Novo cadastro