|   Jornal da Ordem Edição 3.625 - Editado em Porto Alegre em 22.04.2021 pela Comunicação Social da OAB/RS
|   Art. 133 - O advogado é indispensável à administração da justiça, sendo inviolável por seus atos e manifestações no exercício da profissão, nos limites da lei. Constituição Federal, 1988
NOTÍCIA

05.04.21  |  Advocacia   

Conquista nascida na OAB/RS: eproc no JECRIM conclui implantação do sistema em todas as matérias da Justiça Estadual

 

Hoje uma realidade está consolidada, o eproc na Justiça Estadual só foi possível graças à mobilização da advocacia gaúcha. A partir de relatos e contribuições de advogados e advogadas de diferentes regiões do Rio Grande do Sul, o TJRS iniciou o processo de transição para o mesmo processo eletrônico do Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF4).

Desde 2017, a OAB/RS lutou pela implantação completa do eproc na Justiça Estadual, em substituição do sistema e-Themis. Breier lembra de todo o esforço feito pela seccional para tornar o antigo sonho da advocacia gaúcha uma realidade: “Sempre lembro da audiência pública que realizamos com a participação de mais de 10 mil advogados. Foi um verdadeiro divisor de águas esse debate. Foi com a mediação e o comprometimento da OAB/RS, no diálogo direto com o TJRS e o TRF4, que conseguimos a mudança de sistema. Foi o clamor dos colegas que culminou na assinatura do termo de cooperação e na sucessiva implementação do eproc”, disse.

Pouco mais de três anos depois da subseção Encantado ser a primeira comarca do Estado a implantar o sistema eproc na Justiça Estadual, a implantação do processo eletrônico para o ingresso de ações em todas as matérias está completa.

O sistema eproc receberá os processos eletrônicos de competência dos Juizados Especiais Criminais (JECRIM), a única matéria que faltava. O ingresso de ações de competência do JECRIM está previsto para iniciar com um projeto-piloto na Comarca de Porto Alegre e com ingresso facultativo pelo meio eletrônico no período de 3/5 a 16/5/2021. No mês de junho, o ingresso eletrônico será obrigatório para todas as comarcas do Estado, conforme o cronograma.

Desde o primeiro ato que iniciou a transição do eproc como processo eletrônico oficial da Justiça Estadual, a Ordem gaúcha acompanhou cada passo, cada avanço do projeto de implantação do sistema. Através de sua Comissão de Direito, Tecnologia e Inovação (CDTI), a seccional também foi fundamental no aprimoramento do eproc, atuando junto ao Tribunal de Justiça do Rio Grande do Sul (TJRS), participando de reuniões, sugerindo melhorias e acompanhando o cumprimento do cronograma previsto.

 “É um marco importante para a OAB/RS. Tenho a sensação de dever cumprido ao ver uma das mais antigas reivindicações dos colegas chegar a conclusão de mais uma etapa. Há de se reconhecer o trabalho da digitalização, mas ainda temos que avançar e seguiremos trabalhando em busca da modernização completa da Justiça Estadual”, afirma o presidente da seccional gaúcha, Ricardo Breier.

Ingresso 100% eletrônico

Com a implantação do processo eletrônico no JECRIM o Poder Judiciário gaúcho passará a ter o ingresso 100% eletrônico, considerando a implantação do eproc realizada em 2018 na matéria cível e em 2020 nas matérias da violência doméstica, criminal e da infância e juventude. Somados ainda os processos eletrônicos de competência do 2º grau e dos juizados especiais cíveis e fazendários, que tramitam nos demais sistemas judiciais em formato eletrônico.

Fonte: OAB/RS

BOLETIM INFORMATIVO. CADASTRE-SE!
REDES SOCIAIS E FEED
RSS
YouTube
Flickr
Instagram
Facebook
Twitter
(51) 3287.1800
Redação JO: Rua Washington Luiz, 1110, 13º andar - Centro - CEP 90010-460 - Porto Alegre - RS   |   comsocial@oabrs.org.br
© Copyright 2021 Ordem dos Advogados do Brasil Seccional RS    |    Desenvolvido por Desize

ACESSAR A CONTA


OABRS:   *
Senha:   *
Esqueci minha senha  |  Novo cadastro