|   Jornal da Ordem Edição 3.475 - Editado em Porto Alegre em 11.08.2020 pela Comunicação Social da OAB/RS
|   Art. 133 - O advogado é indispensável à administração da justiça, sendo inviolável por seus atos e manifestações no exercício da profissão, nos limites da lei. Constituição Federal, 1988
NOTÍCIA

05.04.12  |  Legislação   

PL que amplia quarentena para ex-dirigentes públicos é aprovado na Câmara

O período de impedimento para atividades na iniciativa privada passa de quatro para seis meses. Matéria será analisada ainda pelo Senado.

O Plenário da Câmara dos Deputados aprovou o Projeto de Lei 7528/06, do Poder Executivo, que amplia o período da chamada "quarentena" - prazo durante o qual o profissional, após deixar seu cargo ou emprego na administração pública federal, fica sujeito a uma série de restrições relativas ao exercício de atividades na iniciativa privada. A matéria será analisada ainda pelo Senado.

O texto foi aprovado com emenda do deputado Antonio Carlos Mendes Thame (PSDB- SP), que passa a quarentena de quatro meses para seis meses. O projeto original previa o aumento para um ano.

Os deputados rejeitaram dois destaques para votação em separado do DEM. Um deles queria que a quarentena alcançasse os servidores que exercem cargos de direção e assessoramento superiores até o nível 4 (DAS 4).

O outro pretendia estender a regra aos afastamentos dos servidores. Atualmente, ela é aplicada somente para quem saiu do serviço público ou foi demitido dele.

(PL-7528/2006).

Agência Câmara

 

 

Rodney Silva
Jornalista - MTB 14.759

BOLETIM INFORMATIVO. CADASTRE-SE!
REDES SOCIAIS E FEED
RSS
YouTube
Flickr
Instagram
Facebook
Twitter
RÁDIO OAB/RS
Rádio OABRS
MAPA DO SITE
Abrir
(51) 3287.1800
Redação JO: Rua Washington Luiz, 1110, 13º andar - Centro - CEP 90010-460 - Porto Alegre - RS   |   comsocial@oabrs.org.br
© Copyright 2020 Ordem dos Advogados do Brasil Seccional RS    |    Desenvolvido por Desize

ACESSAR A CONTA


OABRS:   *
Senha:   *
Esqueci minha senha  |  Novo cadastro